Blog do Rodrigo Westarb

Andes Chilenos: É logo aqui pertinho

 

Hoje iremos falar um pouco sobre essa região, rica em diversidade de passeios e aventuras. Nas minhas três visitas a esse país espetacular, conclui que o Chile é absolutamente muito diferente dos demais países latinos, primeiro de tudo tem a economia de maior estabilidade da região. Suas principais riquezas derivam-se da extração do cobre e outros minérios importantes para a indústria mundial.

 

Sempre despertou minha vontade por esportes de inverno, porém, nossa região não ajuda muito, por isso escolhi a região de Santiago, capital chilena para explorar essa nova aventura.

 

A viagem para Santiago não é completa se não incluir pelo menos um dia de passeio até a região onde se concentram as estações de esqui de Farellones, La Parva, El Colorado e Valle Nevado. Reduto de férias e finais de semana dos chilenos, os centros de esqui são visitados por milhares de turistas o ano todo, inclusive vários brasileiros, é natural encontra-los lá, inclusive encontrei alguns curitibanos e paulistas.

 

As estações de esqui estão bem próximas umas das outras e é possível visitar todas elas em um único dia. Mas se você quer aproveitar um pouquinho do que cada uma tem para oferecer reserve pelo menos 2 dias de passeios.

 

 

Para os esportistas amadores (como eu) e profissionais cada estação tem suas peculiaridades com pistas em diferentes graus de dificuldade e distâncias, também você encontra diferentes valores para acessá-las. Valle Nevado é o centro de esqui com a maior estrutura para turistas enquanto que La Parva possui mais casas e apartamentos próprios dos chilenos, como casa “mountain”.

 

Uma segunda opção para turistas mais experientes no esqui e snowboard ou que desejam aprender é a estação de El Colorado, que possui uma estrutura completa, com aulas e aluguel de equipamentos com preços mais acessíveis do que Valle Nevado, e com pistas tão boas quanto a concorrente. Foi nessa estação que extrai tudo que aprendi sobre o esqui. Adendo que seu traseiro chega a doer de tantos tombos até aprender, mas é com os tombos que a gente levanta, não é mesmo?

 

Mas, se o seu interesse é passar um dia brincando na neve e se divertindo sem esquiar ou praticar snowboard, vá direto para Farellones, região na qual fiquei hospedado. Farellones é excelente para lazer e esqui com preços mais baratos e a maior quantidade de atividades “não esqui’ de todas as quatro estações.

 

Em todas as estações é possível passear nos teleféricos sem esquiar ou fazer snowboard. Aproveite os dias de sol, agasalhe-se curta as paisagens incríveis das montanhas nevadas no teleférico, ou silla como é chamada por lá.

 

Quanto vai custar um dia de passeio na neve? Depende só de você. Começando pela hospedagem, é mais barato ficar em Santiago e fazer o bate e volta para as montanhas. O trajeto não é longo, no máximo 2 horas se tiver congestionado. Justamente o que eu não fiz! Paga-se muito caro nos hotéis das montanhas, em média US$ 280,00 por diária, estou falando de quartos Standard.

 

Eu aconselho a comprar suas próprias roupas e sapatos ao invés de alugar. No Brasil é possível comprar tanto as roupas quanto os calçados (dica: Lojas Decatlhon). Então fique de olho antes de viajar e vá comprando aos poucos o que vai usar na viagem.

 

 

Existem várias lojas que alugam as roupas e botas de neve no caminho das estações de esqui, mas com o valor gasto em mais de 3 aluguéis já é possível comprar a própria roupa e botas, pensem nisso, no custo benefício. Acredite, depois dessa viagem, essa não será sua única ida para a neve ou lugares frios onde poderá usar as roupas e botas.

 

Na internet é muito fácil encontrar as empresas ou contratar o passeio um dia antes em alguma das centenas de agências espalhadas por Santiago. O caminho para as montanhas possui muitas curvas, o que pode fazer muitas pessoas enjoarem, por isso, se prepare para esse imprevisto, nunca tive esse problema, mas é normal essa ocorrência em muitas pessoas.

 

Falar sobre essa região é tudo de bom. Ficaria horas escrevendo, mas vou deixar vocês explorarem e despertar a vontade de planejar uma viagem a um lugar tão próximo de valores acessíveis.

 

Por hoje é só! Arrumem suas malas e bora esquiar!?

 

Boa semana amigos Riomafrenses.

 

VER PRIMEIRO
Agora, que tal seguir o nosso Twitter e curtir a nossa página no Facebook? Para que você possa continuar acompanhando os melhores posts sobre Rio Negro e Mafra, diariamente, em suas redes sociais.