Fatos e Versões

Vossa Excelência, o político!

A política no Brasil tomou outro rumo, independente do partido político. Salvam-se poucos. Aqueles que deveriam ser exemplos para as novas gerações, hoje são criminosos travestidos de políticos. O cenário político está desmoralizado face às espertezas em prol de acordos, conchavos, chantagens e pressões em nome de interesses próprios.

 

Na atualidade, o grande político é aquele que tem a esperteza de manipular as ações dos seus pares e do executivo, e às vezes, com seus tentáculos, adentram até no Poder Judiciário, situação essa evidenciada no julgamento do STF. Alguns ministros atuando como se fossem advogados de defesa e às vezes até tentando tumultuar o processo.

 

Me pergunto, se hoje existe luz além do horizonte. Há tempos venho assistindo a atuação de jovens promotores e juízes dispostos a apurar e indiciar os que praticam desvios de recursos públicos. Um dos exemplos foi o jovem Juiz Federal, Dr. Zenildo Bodnar, que mandou prender cidadãos e empresários na conhecida operação policial “moeda verde”. Belo exemplo! Ele foi aluno em Santa Terezinha, cidade vizinha de Itaiópolis.

 

E o que dizer de quem cassou um ex-prefeito de Mafra por crime ambiental? E do promotor que atuou nas CPIs do passado? Com esse naipe de juízes e promotores que querem mostrar serviço, passamos a ter a certeza de que os figurões serão presos pelos valorosos integrantes da Polícia Federal.

 

Na pauta do Supremo Tribunal Federal, processos foram abertos incriminando políticos intocáveis que foram julgados e condenados como qualquer um criminoso. Esses velhos falsos líderes estão no lugar que merecem, no “Presídio da Papuda”, cumprindo suas leves penas.

 

Essa galera do mal sempre teve a consciência de todas as ações que praticaram, e que tinham o sentido de viabilizar o crescimento contínuo dos seus patrimônios, ações corrompidas por esquemas bem tramados, acordos imorais, acertos escandalosos, interesses de crápulas e lascivo ao erário.

 

Não podemos esquecer que política é coletividade. Uma vez que as decisões políticas têm implicações na nossa vida, o que se exige que cada um é que estejamos sempre atentos à história de vida de todos os políticos e os novos, que apresentam-se como líderes.

 

Logo teremos eleições municipais e aí tudo transforma-se em política. Aqui em Mafra (em especial), alguns políticos têm o bolso maior que os olhos, e acham que o milagre da multiplicação acontece só para eles, e quando esses milagres não vêm ou são descobertos, apontam seus dedos indicadores para a “cara” dos outros, tentando colocar a culpa das suas imperfeições e das suas ganâncias nos ombros de alguém que esteja por perto.

 

Por isso, caro eleitor, veja em quem você vai escolher para ser o seu representante na eleição do ano que vem. Não seja um cúmplice. Depois não adianta “chorar sob o leite derramado”, como vem acontecendo nos últimos anos. Quem viver, certamente verá!

 

– Continua após a publicidade –

 

VER PRIMEIRO

Agora, que tal seguir o nosso Instagram, Twitter ou curtir a nossa página no Facebook? Para que você possa continuar acompanhando os melhores posts sobre Rio Negro e Mafra, diariamente, em suas redes sociais.