Mafra

Escritor mafrense lança romance baseado na Guerra do Contestado

 

Inconformado com o desconhecimento da população sobre a Guerra do Contestado, o mafrense Romeu Gomes de Miranda escreveu um romance baseado na história que fez parte da construção de Santa Catarina e do Paraná, intitulado “Um Trem para Leontina”.

 

Durante quatro anos, três para a pesquisa e um para escrever o romance, Romeu criou uma obra que buscou recuperar o drama vivido por aqueles que queriam construir um sonho em uma terra nova, mas que foram destruídos durante a construção de um novo Estado, marcado pela Guerra do Contestado.

 

Segundo o autor, a história contém personagens baseados em pessoas que viveram em Mafra e Rio Negro, como Sansão, um homem que gostava de beber e que marcou época durante o período. A personagem principal também é baseada em uma mulher que o escritor conheceu. Romeu destaca que Leonina foi filha de ferroviário e era uma garota muito valente de Mafra.

 

O lançamento do livro ocorrerá dia 25 de abril, às 19 horas, no Colégio Estadual Barão de Antonina, em Rio Negro. Em Mafra, o escritor está agendando a data para o lançamento da obra.

 

Romeu Gomes de Miranda

 

Sobre o escritor

O escritor é natural de Mafra e filho do ferroviário Rosendo, que trabalhou na manutenção da via férrea entre São Francisco do Sul e o Rio Grande do Sul. Romeu estudou na Escola de Educação Básica Barão de Antonina, depois se mudou para Curitiba, onde finalizou os estudos no Colégio Estadual do Paraná e ingressou no curso de Letras da PUC. Lá ele também fez mestrado em Filosofia da Educação. Romeu também foi presidente da APP (1996 a 2002) e presidente do Conselho Estadual de Educação (2006 a 2011).

 

– Continua após a publicidade –

 

VER PRIMEIRO

Agora, que tal seguir o nosso Instagram, Twitter ou curtir a nossa página no Facebook? Para que você possa continuar acompanhando os melhores posts sobre Rio Negro e Mafra, diariamente, em suas redes sociais.