Conexão Planeta

Sustentabilidade na sociedade consumista

Na era tecnológica que nos encontramos tudo muda e se transforma repentinamente. As redes sociais funcionam, na sua grande maioria, como um marketing indireto, onde pessoas influentes impõem marcas a serem usadas, alimentos a serem consumidos, hábitos a serem adotados, dentre outros. Esse círculo vicioso se reproduz velozmente.

 

– Continua após a publicidade –

 

O que não nos damos conta são os fatores que nosso consumismo exacerbado traz para nosso bolso e o principal – para o nosso planeta. Quem nunca trocou de celular pelo simples fato da câmera ter novas funções ou até mesmo aproveitou a liquidação dos finais de ano comprando algo que nem precisava só porque estava pela metade do preço? Nesse contexto, essas escolhas podem parecer indiferentes.

 

No entanto, os resíduos vão se acumulando e os problemas a serem acarretados são inúmeros: poucas vezes esses resíduos são reciclados de forma correta e pior ainda, quase na sua totalidade nunca reutilizados! De acordo com o Global E-waste Monitor 2017, o Brasil é o maior produtor de lixo eletrônico da América Latina, com mais de 2 milhões de toneladas em 2016.

 

Medidas como o uso dos 3R’s acabam não sendo suficientes para conter a problemática. O que precisa acontecer primeiramente é uma reciclagem de atitudes que podem mudar o atual cenário da poluição ambiental. O  consumismo desnecessário do século XXI aponta para a necessidade urgente de atitudes mais contundentes para a sustentabilidade.

 

 

OBRIGADO POR LER

AS NOTÍCIAS DO RIOMAFRA MIX

 

Com apenas R$ 16,00/mês você recebe em casa o jornal impresso e ainda patrocina o jornalismo com independência e credibilidade. Assine e receba em sua casa o melhor conteúdo!