Rio Negro

Preço da carne dispara: comerciantes já sentem queda de 30% nas vendas em Riomafra

Segundo os comerciantes riomafrenses ouvidos pelo Riomafra Mix, além dos preços em alta, encontrar o produto nos frigoríficos está cada dia mais difícil.

 

O preço da carne bovina está subindo no Brasil todo. Segundo a Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) as carnes bovinas subiram, em média, 4,2%. O contrafilé registrou variação de 5,86% e a alcatra de 3,63%. A picanha subiu menos, 0,32%.

 

– Continua após a publicidade –

 

Segundo os comerciantes riomafrenses ouvidos pela reportagem do Riomafra Mix, além dos preços em alta, encontrar o produto nos frigoríficos está cada dia mais difícil. “Estamos assustados; o faturamento está em queda. Aqui passa de 30%”, lamenta o proprietário de um açougue em Rio Negro, Helio Nalevaia.

 

E as notícias não são nada animadoras para os consumidores. Ainda segundo a ABRAS, a entressafra, aliada ao aumento das exportações e à maior demanda da carne bovina, tradicionalmente por causa das festas do final de ano, contribuirá para o aumento dos preços do produto nos supermercados e açougues.

 

 

A proprietária de um restaurante em Rio Negro, Cleuni Terezinha Ghisi Betim, também contabiliza queda de faturamento, principalmente dos eventos que já estavam agendados. “Quando o cliente fechou o orçamento a carne estava com um determinado preço. Agora, com a alta repentina e constante, não sei ainda o que fazer”, pontua.

 

Para a dona de casa Mara Batista da Conceição, a solução vai ser trocar a carne de gado por aves e suínos, que até o momento seguem com preços estáveis. “Com esses preços vamos ter que adiantar o peru do Natal”, brinca.

 

Na outra ponta, o Governo Federal estuda importar carne para equilibrar o mercado. A informação foi dada à imprensa pela ministra da Agricultura, Tereza Cristina.

 

OBRIGADO POR LER

AS NOTÍCIAS DO RIOMAFRA MIX

 

Com apenas R$ 16,00/mês você recebe em casa o jornal impresso e ainda patrocina o jornalismo com independência e credibilidade. Assine e receba em sua casa o melhor conteúdo!