Estilo de vida e prevenção ao suicídio

Vários comportamentos de estilo de vida estão associados ao risco de suicídio em todas as faixas etárias.

 

Setembro é Amarelo e se destina à prevenção do suicídio. O suicídio é atrelado a sintomas psiquiátricos, condições médicas e fatores de risco no estilo de vida.

 

Vários comportamentos de estilo de vida estão associados ao risco de suicídio em todas as faixas etárias.

 

Estilo de vida

Estudos têm relatado que comportamentos de estilo de vida e suas consequências (inatividade física, tabagismo, baixo-peso, obesidade) estão associados a fatores de risco cardiometabólicos e a problemas de saúde mental. Ainda, alguns comportamentos podem estimular o isolamento social aumentando o risco de problemas de saúde mental e suicídio.

 

Em adolescentes

Há uma crescente preocupação na associação entre risco de suicídio e dependência de internet, cyberbullying e dificuldades escolares e familiares.

 

Em adultos

Sintomas psiquiátricos, abuso de substâncias e álcool, descontrole do peso e dificuldades ocupacionais parecem ter um papel significativo no risco de suicídio.

 

Em idosos

A presença de uma doença e o baixo suporte social estão associados a um risco aumentado de tentativa de suicídio.

 

Fique atento a esses comportamentos em seu estilo de vida. Eles podem ser implicadores no risco de suicídio

  • Dificuldades nas relações interpessoais
  • Vício em internet
  • Nutrição, padrões alimentares
  • Estresse excessivo no trabalho
  • Sedentarismo
  • Abuso de álcool e substâncias psicotrópicas
  • Tabagismo
  • Baixo-peso ou obesidade
error: O conteúdo é de exclusividade do Riomafra Mix.