Retomada de visitas no Presídio de Mafra dependerá do risco potencial da covid-19

Se o Planalto Norte continuar no nível grave (laranja) até o dia 20, as vistas presenciais em todas as unidades prisionais da região, incluindo Mafra, continuarão suspensas.

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) informou nesta semana que no dia 20 de outubro, as visitas presenciais nas unidades prisionais e socioeducativas de Santa Catarina serão retomadas.

Continua após a Publicidade

 

As visitas estão suspensas desde 14 março. De acordo com a SAP, as medidas foram tomadas para proteger os detentos, servidores, funcionários e familiares, restringindo a circulação de pessoas e objetos para evitar o avanço do vírus.

 

A retomada das visitas dependerá da classificação do risco potencial da covid-19, ou seja, são quatro os níveis e cores que definem a classificação de risco das regiões catarinenses: moderado (azul), alto (amarelo), grave (laranja) e gravíssimo (vermelho).

 

Atualmente, o Planalto Norte está no nível grave (laranja), o que ainda impede as vistas presenciais em todas as unidades prisionais da região, incluindo Mafra. De acordo com o protocolo sanitário, a visitação será permitida nas regiões de risco médio (azul) ou alto (amarelo).

 

Normas para visitas presenciais

Para as visitas presenciais, serão considerados fatores como a inexistência de surto de covid-19 na unidade, avaliação do risco potencial por região (médio e alto), número de casos na região onde está localizada a unidade, estrutura física adequada na unidade que garanta a visita, além do distanciamento social de 1,5 metro.

 

O visitante assinará um termo autodeclaratório, assegurando que não apresenta sintomas da doença, não faz parte do grupo de risco, além de se comprometer em informar à unidade caso apresente sintomas gripais 14 dias após a visita.

 

Também deverá tomar todas as medidas de segurança como o uso adequado da máscara, não portar objetos ou qualquer item de gênero alimentício, além de cumprir as regras sanitárias estabelecidas pelos órgãos de saúde pública. O mesmo vale para os internos.

 

Ao final da visita, o local deverá ser higienizado seguindo as normas estabelecidas no manual de desinfecção da SAP. As visitas serão agendadas pelo setor social da unidade.

error: O conteúdo é de exclusividade do Riomafra Mix.