Cirurgias eletivas de média e alta complexidade são suspensas em SC

Suspensão é aplicável a todas unidades que dispõem de leitos de internação de UTI para covid-19.

Continua após a Publicidade

 

Uma portaria publicada pela Secretaria de Saúde determinou a suspensão de cirurgias eletivas de alta e média complexidade pelos próximos 20 dias em Santa Catarina, como forma de garantir acesso às unidades durante a pandemia de covid-19.

 

A suspensão é aplicável a todas unidades que dispõem de leitos de internação de UTI, intermediários ou clínicos, para tratamento das complicações relacionadas à infecção pelo novo coronavírus. Não estão suspensas as cirurgias de urgência e emergência e nem os procedimentos tempo-sensíveis – aqueles em que a vida do paciente pode estar em risco.

 

Apoie nosso jornalismo. Assine o Riomafra Mix, clicando aqui.

 

A portaria 168/2021 ainda estabelece que as unidades devem ampliar os estoques de gases medicinais, medicamentos, insumos, materiais de enfermagem e equipamentos de proteção individual; redirecionar e recrutar recursos humanos e reorganizar a disponibilidade de leitos e equipamentos para garantir a atenção a todos os pacientes que necessitem de internação.

 

O Estado ainda proibiu que as unidades restrinjam ou fechem o setor de emergência, bloqueando o acesso espontâneo ou referenciado de pacientes.

 

“Fica vedado às Unidades Hospitalares recusar o acesso de pacientes ao setor da emergência ou o encaminhamento de pacientes de outras unidades hospitalares para leitos de UTI ativos e disponíveis no Sistema de Gestão de Leitos – SES LEITOS”, consta a portaria.

error: O conteúdo é de exclusividade do Riomafra Mix.